domingo, 27 de outubro de 2019

Mulheres conquistam espaços e já ocupam 37% das vagas na área de TI no Brasil

Mulheres conquistam espaços e já ocupam 37% das vagas na área de TI no Brasil
Mulheres conquistam espaços e já ocupam 37% das vagas na área de TI no Brasil
Mão de obra feminina tem avançado cada vez mais em mercados de trabalho que antes eram dominados pelo sexo masculino. Um levantamento da Associação Brasileira em Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), aponta que as mulheres já ocupam 37% das vagas de tecnologia da informação.

É o caso da Pollyana Lima. A especialista em Tecnologia da Informação que compõe atualmente a equipe da Nexcore Tecnologia e possui mais de 15 anos de experiência na área. "Trabalhar nesta área sempre foi meta, mesmo ciente das possíveis dificuldades", diz.

"Na minha sala da aula, por exemplo, tinham apenas 2 mulheres, enquanto a quantidade de homens era de aproximadamente 26. E mesmo sendo um ambiente intimidador e desafiador, com o passar dos anos foi se tornando cada vez mais meu objetivo me consagrar na área de TI. Para mim é uma conquista pessoal", ressalta a especialista.

Segundo Pollyana, as empresas devem colaborar para que conquistemos um cenário igualitário. "Num mundo cada vez mais acelerado e tecnológico, formar meninas programadoras e apoiá-las para o mercado de trabalho é fundamental para ajudar a reduzir a desigualdade de gênero. Além disso, equipes formadas por homens e mulheres se complementam e podem gerar soluções mais criativas. Nesse exato momento a Nexcore está trabalhando em projetos para ampliar a equipe de suporte técnico e queremos trazer mais mulheres para o nosso time", completa.

De acordo com Myke Mello, Chief Technology Officer (CTO), o volume de candidatas a ocupar um cargo no setor vem progredindo ultimamente. "No decorrer dos anos notamos um maior número de candidatas para ocupar vagas de TI, algo que não era visto antigamente", comenta.

Atuar em Tecnologia da Informação tem chamado a atenção de muitos ultimamente. Segundo um estudo feito pelo Center for the Future of Work, estabelecido pela Cognizant Technology Solutions, aponta que a área de TI é responsável por profissões do futuro.

Quebra de Barreiras

Para o executivo, ainda que o setor tenha se mostrado cada vez mais de portas abertas à mão de obra feminina, alguns preconceitos como 'melhor executado por homens' já estão sendo superados. "É necessário desmistificar que algumas ocupações não são de exclusividade masculina, e que haja maior incentivo para que as mulheres ingressem cada vez mais nessa segmentação de mercado", conclui Myke.




> Comunidade Brasileira de Sistemas de Informação
> Fundada em 13 de Outubro de 2011
> E-mail: comunidadebsi@gmail.com
> Cel: +55 92 99329-7545
> Local: Manaus, Amazonas, Brasil.

> Cláudio Florenzano, Diretor Executivo.
> E-mail: c.luciano20@gmail.com
> Facebook:

‍



Geeks Online: