quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Quais são as dificuldades dos profissionais de tecnologia da Informação no mercado de trabalho?

Você acabou de se formar na faculdade em um curso na área de Tecnologia da Informação, fez pesquisas, realizou estágios e agora está em busca num lugar no mercado de trabalho, e agora, por onde começar? É uma área que necessita se atualizar constantemente, a cada dia que passa é lançado um novo aparelho eletrônico, um novo software, as empresas buscam novidades e pode até ser que aquela linguagem de programação ou aquele Banco de Dados que você viu na faculdade hoje já estejam ultrapassados. Lembre-se que na faculdade é passado apenas o básico e na maioria dos casos conteúdo teórico, são poucos os cursos e universidades que oferecem incentivos à pesquisa científica, e aprendizagem na prática, não ensinam o que as empresas realmente querem do profissional. Isso também vale para que aquele profissional experiente, que trabalhou anos numa determinada empresa, que tem anos de experiência numa determinada linguagem, que domina um determinado Banco de Dados ou um Framework e agora está em busca de um novo emprego, mas as empresas que ele pretende trabalhar usam novas tecnologias que esse profissional experiente não as conhece. O mercado de TI oferece um leque bem diversificado das áreas para se trabalhar com Tecnologia. Pode-se trabalhar com desenvolvimento e programação, manutenção e suporte, banco de dados, segurança da informação dentre muitas outras áreas.

O ideal seria a especialização em uma dessas áreas, de preferência com cursos de especialização e certificações que é o que as empresas mais pedem na hora de recrutar um profissional de TI. Não adianta você se especializar em segurança da informação e ter certificados na área e se candidatar a uma vaga de programador, a não ser que você saiba programar na linguagem solicitada, é apenas um exemplo. No mercado de trabalho existem inúmeras vagas em aberto, estamos falando de centenas, e até milhares, que não são preenchidas.

Isso acontece muitas vezes porque as empresas exigem que o candidato tenha várias certificações, experiência na área e conhecimento avançado na tecnologia que a empresa que está recrutando trabalha. Os recrutadores têm que levar em consideração que as outras empresas não trabalham com uma mesma tecnologia, com um mesmo sistema, com um mesmo Banco de Dados, e um profissional de TI ao mudar de empresa vai sentir essa dificuldade.

Por isso as empresas devem abrir espaço aos profissionais recém formados, oferecendo-lhes um treinamento de qualidade e não ficar exigindo anos de experiência e inúmeras certificações, pois é somente na prática, dentro das empresas que realmente o profissional vai aprender as ferramentas necessárias que a empresa trabalha.

É claro que é muito mais fácil para as empresas recrutar profissionais experientes e com certificados, mas a maioria desses profissionais está no mercado de trabalho, recebendo boas remunerações em outras empresas e não pretendem sair a não ser que recebem uma boa oferta. Por isso, pra você profissional, escolha uma área de especialização, atualize-se constantemente, aprenda outro idioma, faça cursos e se qualifique.

E para você recrutador, não espere que o profissional que você procura caia do céu, e se não achar um que atenda as suas necessidades, busque um profissional com boa formação, e o qualifique, ofereça treinamentos, deixe o trabalhar e você vai ver que na prática você terá um profissional que o mercado tanto exige. (Artigo de Bruno Renato)

Discorda ou concorda com algo? comente abaixo!




> Comunidade Brasileira de Sistemas de Informação
> Fundada em 13 de Outubro de 2011
> E-mail: comunidadebsi@gmail.com
> Cel: +55 92 99329-7545
> Local: Manaus, Amazonas, Brasil.

> Cláudio Florenzano, Diretor Executivo.
> E-mail: c.luciano20@gmail.com

‍



Geeks Online: