sábado, 22 de outubro de 2016

Tecnólogo na área de TI pode fazer concurso para cargos de nível superior?

Tecnólogo na área de TI pode fazer concurso para cargos de nível superior?
Tecnólogo na área de TI pode fazer concurso para cargos de nível superior?
Oferecido em algumas faculdades e universidades do Brasil, o curso de tecnólogo tem algumas características interessantes como: menor tempo de duração, maior especialização, variedade em áreas de atuação… Mas a grande dúvida dos concurseiros é se tecnólogo pode fazer concurso para cargos de nível superior. E desde já digo: A resposta é SIM; candidatos com diploma de tecnólogo (quando devidamente reconhecidos pelo MEC como curso superior), podem concorrer às vagas nos concursos em que se exige “nível superior” de escolaridade. 

O curso de tecnólogo confere ao aluno a possibilidade de fazer concursos que exigem nível superior de graduação – da mesma forma que os outros tipos de cursos de nível superior tradicionais oferecem. Inclusive é o que encontramos expresso no portal do MEC:

“O contratante tem autonomia para decidir a qualificação do servidor que busca. Contudo, caso a exigência seja de nível superior e/ou graduação, o formado em cursos tecnólogos está apto a prestar o concurso. Ressalte-se a exceção em caso de solicitação específica da formação em licenciatura e/ou bacharelado. Portanto, o fator determinante é o teor do edital de cada concurso no qual estarão discriminados os títulos exigidos.”.

Ou seja, quem manda é o edital de cada concurso. Então, se no edital vier exigindo “nível superior” ou “graduação de nível superior”, a formação de tecnólogo atende ao requisito

Vale ressaltar ainda que os requisitos exigidos no edital são para o exercício do cargo e só precisam ser comprovados no momento da posse. Portanto, caso o candidato atenda aos requisitos e ainda assim houver recusa de seu diploma para a posse, ele estará amparado pela lei e poderá recorrer à justiça para fazer valer o seu direito.

Um ponto bastante interessante a se considerar, é que há alguns concursos que oferecem vagas exclusivamente para tecnólogos, como é o caso do concurso para a Prefeitura de São José do Norte, o Concurso Público do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília (IFB), entre outros.

Diferença entre curso Tecnológico, Bacharelado e Licenciatura.

No Brasil existem, basicamente, três tipos de cursos de nível superior: Bacharelado, Licenciatura e Tecnólogo. Vejamos o que significa cada um deles:

– Bacharelado: cursos superiores de graduação tradicional (Engenharias, Direito, Medicina, Educação Física, Química, etc). Quando perguntamos a alguém: “você fez faculdade de quê?” e a pessoa responde: “Fiz Engenharia”, isso significa, traduzindo em miúdos, que a pessoa tem bacharelado em Engenharia.

– Licenciatura: cursos superiores voltados para a formação de educadores. Basicamente preparam o estudante para dar aula como professor.

–Tecnólogo: também chamados de cursos tecnológicos, são cursos superiores parecidos com os de graduação tradicional, porém, o que os diferencia, é que têm uma duração mais curta e um foco específico em determinadas áreas do conhecimento. Por exemplo: Tecnologia em Gestão de Segurança Privada. A formação, resumidamente, qualifica os profissionais a gerir empresas e áreas de segurança patrimonial; sua duração é de 2 anos.

CURIOSIDADES – Algumas  dúvidas que envolvem os cursos de tecnólogo:

–Existe algum curso de tecnólogo com duração menor que 2 anos?

Não! A duração mínima dos cursos é de 2 anos.

-Tecnólogo é um curso técnico de nível médio?

Não! Por ter uma duração mais curta, é comum haver essa dúvida, porém ele é reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação) como curso de graduação de nível superior.

–Os cursos para tecnólogo podem ser feitos em cursos presenciais e/ou a longa distância (como ocorre com alguns cursos de bacharelado)?

Sim! Basta verificar as instituições de nível superior que oferecem essa possibilidade.

–Tecnologia da Informação (TI) e Tecnólogo são a mesma coisa?

Não faça confusão. TI é uma carreira de um profissional que fez cursos como: ciência da computação, engenharia da computação, sistemas de informação e outros; Tecnólogo é um tipo de graduação de nível superior que abrange várias cursos de diversas áreas do conhecimento.

– Preciso me preocupar quando leio a seguinte exigência: “o curso de tecnólogo deve estar devidamente reconhecidos pelo MEC como curso superior”?

Não, o que você deve saber sobre isso é que todos os cursos de tecnólogo são autorizados pelo MEC e que, para ser emitido o diploma, alguns cursos, em algumas instituições de ensino, ainda precisam ser reconhecidos pelo MEC (já que os cursos de tecnólogo são relativamente recentes no Brasil). E quando que isso ocorre? Ocorre quando curso tiver pelo menos uma turma formada e que esta já tenha feito a prova do ENADE, só isso. Para saber a situação de cada instituição, basta acessar o site do e-MEC (http://emec.mec.gov.br).

Fontes: Portal do MEC e e-EMEC




> Comunidade Brasileira de Sistemas de Informação
> Fundada em 13 de Outubro de 2011
> E-mail: comunidadebsi@gmail.com
> Cel: +55 92 99329-7545
> Local: Manaus, Amazonas, Brasil.

> Cláudio Florenzano, Diretor Executivo.
> E-mail: c.luciano20@gmail.com
> Facebook: